Fala rapaziada!!!

Meu nome é Ígor Demolinari e estou começando essa vida de blogueiro de viagem.

Sou do interior de Minas Gerais de uma cidade chamada Piraúba, porém resido em Juiz de Fora. Sou apaixonado por viajar e flamenguista doente. 

"Pior que não terminar uma viagem, é nunca partir." Amyr Klink

Curitiba - 2º Dia

Postado 2017/06/20

    Fala galera!
    Primeiramente gostaria de agradecer a todos que visitaram meu site e viram meus dois artigos anteriores, me surpreendi com o número de visitas e com a repercussão, que atingiu até mesmo outros países.
Agora vamos ao post... Hoje irei falar um pouquinho de como foi o segundo dia em Curitiba, no qual visitamos alguns pontos turísticos bem famosos e conhecidos por todos.
    Acordamos cedo e fomos fazer nosso cronograma de visitas. Tínhamos pensado em ir à Feira do Largo da Ordem e de lá seguirmos para os outros pontos turísticos, mas acabamos mudando de ideia (o que foi um erro, explico ao longo do post). Às 10 horas fomos pegar o ônibus da Linha de Turismo na rua 24 h e de lá seguimos para os nossos passeios : Jardim Botânico, Ópera de Arame, Parque Tanguá, Memorial Ucraniano e Setor Histórico (Onde fica a Feira do Largo da Ordem).


     Grafite em frente ao Jardim BotânicoGrafite em frente ao Jardim Botânico

    O Jardim Botânico de Curitiba é o principal cartão postal da cidade. Seu Palácio de Cristal chama a atenção de todos e todo turista ou morador da cidade tira, ao menos, uma foto no local. Demos o azar dos seus jardins principais não estarem floridos , por conta da manutenção feita periodicamente, mas isso não diminuiu o encanto do lugar. A estufa (Palácio de Cristal) contém várias plantas nativas da Mata Atlântica. Também faz parte da paisagem chafarizes e a escultura intitulada "Amor Materno" do artista João Zaco. Gostei muito do local, apesar de achar que o Jardim Botânico do Rio de Janeiro tem mais variedades de plantas e de pontos para fotos. Na entrada do Jardim Botânico há uma lojinha que vende souvenirs e também funciona como lanchonete, uma ótima opção para quem quer levar as típicas lembrancinhas de viagem e fazer uma parada para o lanche.

Jardim Botânico - Estátua Amor EternoJardim Botânico - Estátua Amor Eterno

    Nossa próxima atração foi a Ópera de Arame/Pedreira Paulo Leminski. A Ópera de Arame é um teatro que tem capacidade para 1572 espectadores e por lá já se apresentaram artistas, como o Rei Roberto Carlos. Seu nome deriva do estilo construtivo feito de tubos de aço e estruturas metálicas, coberto com placas transparentes de policarbonato, lembrando a fragilidade de uma construção em arame. Como ocorreu com o Bosque do Papa, eu superestimei a atração, mas nem por isso digo que não vale a visita. Um ponto importante a dizer é que lá funciona uma lanchonete e um restaurante, onde almoçamos nesse dia.

Ópera de ArameÓpera de Arame
    Saindo de lá, pegamos o ônibus e paramos no Parque Tanguá. Quando fui programar o roteiro dessa viagem pesquisei sobre vários parques e atrações de Curitiba, e o Parque Tanguá já era um destino que eu tinha o desejo de ir. Quando descemos do ônibus eu percebi o quão certa foi essa escolha de passeio. O parque tem uma linda vista da cidade e é ponto "obrigatório" para visita. Pelas fotos é possível perceber o quanto lá é bonito. Fomos apenas à parte de cima do parque, pois tínhamos compromisso à noite, com isso não vimos o parque da parte de baixo, nem o famoso Túnel do Amor. O parque foi uma grata surpresa! Dica sobre o Parque Tanguá : programem o roteiro de vocês para assistirem o pôr do sol lá. Devido a linda vista da cidade, o pôr do sol deve ser incrível visto de lá. E, para aqueles mais "aventureiros", façam a pequena trilha para o Túnel do Amor.

Parque TanguáParque Tanguá
    Ao sairmos do Parque Tanguá fomos para o Memorial Ucraniano, outra atração que recomendo muito. Lá tem uma réplica da mais antiga igreja ucraniana do Brasil, a Capela de São Miguel Arcanjo, no município de Mallet-PR. O local possui um estilo arquitetônico bizantino e a capela é toda construída em madeira encaixada. A área externa tem um jardim muito grande, ambiente muito bom para se passar uma tarde com amigos ou família. Em conversas com minha namorada, percebemos o tanto que Curitiba é florida e arborizada, fazendo com que os parques da cidade tenham uma beleza incomum. O título de capital mais verde do Brasil não é dado atoa à cidade!

Memorial UcranianoMemorial Ucraniano
    Em seguida, pegamos, novamente, o ônibus da linha de turismo e paramos no Setor Histórico para ver o Relógio das Flores e também a Feira do Largo da Ordem. Infelizmente a feira só funcionava até às 14h e como já estava próximo às 16h todas as barraquinhas estavam fechadas. O Relógio das Flores não estava florido, isso faz com que ele perca um pouco do encanto. Sobre a feirinha não estar funcionando : estou me remoendo até agora... Li muita coisa a respeito e tive várias recomendações sobre lá, uma pena não ter checado o horário de funcionamento antes!

Relógio das FloresRelógio das Flores
    Pegamos mais uma vez o ônibus e descemos na rua 24h, nosso ponto de para. Mais a noite fomos à Arena da Baixada assistir ao jogo entre Atlético PR e Santos, mas isso fica para outro artigo.
    Espero que tenham gostado e , se puderem, compartilhem no facebook de vocês.

Galeria de imagens